domingo, 2 de setembro de 2012







Um dia de cada vez...
Só por hoje, sinto-me grata à vida por conceder-me mais um dia, que poderá ser pleno se... eu renovar o propósito de evitar a primeira agressão... a primeira confusão entre o que eu posso e o que não posso modificar...      Só por hoje, aceito os limites de minha própria compreensão, na esperança do sempre melhor e do tudo passa na malandragem do não levar-me muito à sério, do viver e deixar viver...
Só por hoje, procurarei viver o dia que passa, apenas! Sem procurar resolver ao mesmo tempo os problemas da minha vida inteira...      Por hoje, apenas poderei executar qualquer coisa que me encheria de pavor se tivesse de realizá-la pelo resto da minha vida...                 Só por hoje, procurarei fortalecer minha inteligência... aprenderei qualquer coisa de útil...                                 Só por hoje, procurarei ajustar-me aos fatos, em vez de procurar ajustar tudo o que existe aos meus desejos...    Só por hoje exercitarei a minha alma de três de maneiras: Procurarei fazer um benefício a alguém, sem contá-lo a quem quer que seja... Farei, pelo menos, duas coisas que não desejaria fazer, só por exercício. E, hoje, se alguma coisa me magoar, não o revelarei a ninguém...         Só por hoje... procurarei falar baixo, agir delicadamente, não fazer críticas e não tentarei corrigir nem dar ordens a ninguém, a não ser a mim mesma...   Só por hoje, não hei de ter medo de apreciar a beleza e de acreditar que aquilo que eu der ao mundo, o mundo me devolverá...!

Deus gosta de nos ver felizes... qual o Pai que se alegra com a tristeza dos filhos...?

2 comentários:

  1. Bel post!! Giusto vivere giorno dopo giorno !! buona giornata e felice fine settimana...ciao

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Amigo, Obrigada por suas palavras... grande abraço.

      Excluir