sábado, 29 de outubro de 2016

abra uma gaiola ;)


Reflexão!!


Os livros que eu tô lendo...

apaixonada por Jane Austen

uma das invenções mais enriquecedoras do ser humano: o livro!

Os livros surgiram há centenas de anos e, desde então, continuam maravilhando as gerações com contos fantásticos e registrando os principais acontecimentos da história da humanidade.
 A escolha da data foi em razão da transferência da mesma para outro local, no dia 29 de outubro de 1810, fundando-se assim a Biblioteca Nacional do Livro, pela coroa portuguesa.
 O livro ainda continua sendo uma fonte inesgotável de conhecimento! Portanto, leia um livro!

 Voltaire

segunda-feira, 24 de outubro de 2016

Parabéns, Paraíba!!!

Tambaba
A história da Paraíba começa antes do descobrimento do Brasil, quando o litoral do atual território do Estado era povoado pelos índios tabajaras e potiguaras. Demorou um certo tempo para que Portugal começasse a explorar economicamente o Brasil, uma vez que os interesses lusitanos estavam voltados para o comércio de especiarias nas Índias. Além disso, não havia nenhuma riqueza na costa brasileira que chamasse tanta atenção quanto o ouro, encontrado nas colônias espanholas, minério que tornara uma nação muito poderosa na época.
Na época da fundação da Paraíba, os Tabajaras formavam um grupo de aproximadamente cinco mil pessoas. Eles eram pacíficos e ocupavam o litoral, onde fundaram as aldeias de Alhanda e Taquara. Já os Potiguaras eram mais numerosos que os Tabajaras e ocupavam uma pequena região entre o Rio Grande do Norte e a Paraíba. Esses índios locomoviam-se constantemente, deixando aldeias para trás e formando outras. Com esta constante locomoção os índios ocuparam áreas antes desabitadas.
Os índios Cariris se encontravam em maior número que os Tupis e ocupavam uma área que se estendia desde o Planalto da Borborema até os limites do Ceará, Rio Grande do Norte e Pernambuco. Os Cariris eram índios que se diziam ter vindo de um "grande lago". Estudiosos acreditam que eles tenham vindo do Amazonas ou da Lagoa Maracaíbo, na Venezuela.
Os Cariris velhos, que teriam sido civilizados antes dos Cariris novos, se dividiam em muitas tribos: sucuru, icós, ariús, pegas e paiacu. Destas, os tapuias pegas ficaram conhecidos nas lutas contra os bandeirantes.
O nível de aculturação do índio paraibano era considerável durante o período colonial. Muitos sabiam ler e conheciam ofícios como a carpintaria. Esses índios tratavam bem os jesuítas e os missionários que lhes davam atenção.

sábado, 22 de outubro de 2016

para visitar


Problemas de Pele


Falhas de pêlo:
Pulgas, alergias, eczema e micoses são causas de coceira e irritações, com queda de pêlo. Algumas vezes ocorre por stress.As micoses podem ser transmitidas para o homem, portanto tenha cuidado. Lave tudo que o gato tem contato, com água sanitária e enxagüe com água quente.

Coceira:
Coceira na orelha, com pontinhos pretos, é sarna otodécica. Seu veterinário irá indicar o melhor tratamento.Esse parasita se limita às orelhas, mas pode passar de um animal para outro, principalmente se eles se lambem.Todo o ciclo de vida desse parasita é dentro da orelha, portanto não se preocupe dele contaminar sua casa.
Coceira e secreção saindo da orelha é sinal de infecção por bactéria ou fungo. Consulte seu Veterinário depressa. Outras causas de coceira são: Pulgas, eczemas, alergias.

Sarna Sarcóptica:
A Sarna é causada por um parasita que penetra fundo na pele e causa intensa coceira. Frequentemente ocorre infecção secundária por bactérias ou fungos. É transmitida entre as espécies, inclusive para o homem. As áreas mais atingidas são a cabeça, pescoço e orelhas. Se não tratada irá se espalhar por todo o corpo.

Micoses:
As micoses superficiais são mais frequentes em cães e gatos jovens (menores de 1 ano de idade), provavelmente pela pouca eficiência do sistema imunológico. São adquiridas através do contato com a terra, pentes,toalhas, tapetes etc e com outros animais. Estas também são potencialmente transmissíveis ao homem.



Piodermites: (infecções bacterianas da pele)Infecção secundária à outra doença. É muito frequente um animal apresentar micose ou escabiose, associadas à piodermites. Seu aspecto é variado, por isso é de difícil diagnóstico.

Síndrome urológica felina
A Síndrome Urológica Felina (SUF) é uma doença que atinge aproximadamente 1 % dos gatos, mas quando ocorre pode por a vida do animal em risco. Não há preferência por sexo, mas os machos tem uma maior tendência em desenvolver a doença devido ao maior comprimento de suas uretras. Os animais mais atingidos estão numa idade entre 2 e 6 anos, em média.
A causa da doença ainda é discutida, apesar de alguns veterinários acharem que gatos gordos, com pouca atividade física e com alimentação muito seca tem uma maior tendência a desenvolver a SUF.
Os principais sintomas desta síndrome são:
  • Dor intensa ao urinar, acompanhada de dificuldade ou ausência total de micção;
  • O gato urina com maior frequência, mas em quantidade muito pequena;
  • Presença de sangue na urina;
  • O gato pode urinar em locais dentro de casa, mesmo quando está acostumado a urinar num lugar específico.
É esta mudança de comportamento que geralmente faz o proprietário levar o animal ao veterinário, pois é o que incomoda. A síndrome urológica felina pode estar associada a uma cistite (inflamação da bexiga), a presença de cálculos, ou qualquer outra infecção bacteriana ou viral do trato urinário.
No entanto, o maior perigo da SUF é quando o animal deixa de urinar. Além do acúmulo de urina na bexiga, podem surgir pequenos cristais, chamados de cálculos na uretra do animal devido a pouca urina que sai. Estes cálculos podem bloquear completamente a passagem e, mesmo que o gato tente, não consegue urinar.
A SUF deve ser tratada rapidamente, cabendo ao veterinário avaliar qual o melhor tratamento para cada caso. Geralmente é essencial que o animal elimine a urina. Para isso o veterinário pode optar por massagear o abdômen do gato na tentativa de estimular a vontade de urinar ou passar uma sonda uretral. A uretra dos gatos é muito estreita e os animais são muito agitados; por isso pode ser necessário anestesiar o gato.
Uma vez eliminada pelo menos parte da urina, segue-se uma hidratação através da administração de soro e receite-se um anitibiótico e/ou antiinflamatório. Em alguns casos o veterinário pode querer internar o gato para que possa verificar seu estado várias vezes por dia. Isso tudo vai depender do quadro de cada animal.
Em casos crônicos em machos é possível realizar uma cirurgia para facilitar a passagem da urina e impedir a formação de cálculo. Mas esta cirurgia pode trazer complicações como incontinência urinária, sangue na urina, além de maior risco de cistites por causas diversas.



Geralmente gatos que sofrem da síndrome urológica felina devem ter sua dieta alimentar alterada. Estas alterações incluem:
  • Dar ao gato água limpa e trocada várias vezes por dia;
  • Oferecer rações que não tenham acidificantes ou altos índices de Magnésio. Já existem rações específicas com baixos teores de minerais, justamente para gatos com SUF;
  • Oferecer quantidades pequenas de alimento para o gato para que ele não engorde demais.
  • Além disso, gatos que não tem hábito de se exercitar devem ser encorajados a brincar mais, principalmente com brinquedos próprios para esta espécie.
    Animais debilitados, estressados e inativos estão mais sujeitos à Síndrome Urológica Felina, por isso mantenha seu gato sempre saudável.
Os alimentos que podem ser recomendados no tratamento da dissolução dos cálculos de estruvita estão descritos no quadro abaixo.
DIETA CASEIRA:
450g - carne de frango cozida
110g - fígado cru ou cozido
1 xícara - arroz cozido
1 colher das de chá - óleo de cozinha
1 colher das de chá - carbonato de cálcio
60 - 90 ml - água
Misturar todos ingredientes
Fornecer : 110 à 230g / gato / dia
Fonte: Manual Merck de Medicina Veterinária
As dietas calculolíticas devem ser oferecidas por no mínimo dois meses e o acompanhamento do tratamento deve ser monitorizado através de exames radiográficos e urinálise , mantendo um pH <>

Horton E O Mundo Dos Quem! - Trailer

sábado, 15 de outubro de 2016

Sta. Tereza D'ávila


Santa Teresa de Ávila, conseguiu fundar muitos mosteiros, além de recuperar o fervor de muitas carmelitas

Com grande alegria lembramos, hoje, da vida de santidade daquela que mereceu ser proclamada “Doutora da Igreja”: Santa Teresa de Ávila (também conhecida como Santa Teresa de Jesus). Teresa nasceu em Ávila, na Espanha, em 1515 e foi educada de modo sólido e cristão, tanto assim que, quando criança, se encantou tanto com a leitura da vida dos santos mártires a ponto de ter combinado fugir com o irmão para uma região onde muitos cristãos eram martirizados; mas nada disso aconteceu graças à vigilância dos pais.
Aos vinte anos, ingressou no Carmelo de Ávila, onde viveu um período no relaxamento, pois muito se apegou às criaturas, parentes e conversas destrutivas, assim como conta em seu livro biográfico.
Certo dia, foi tocada pelo olhar da imagem de um Cristo sofredor, assumiu a partir dessa experiência a sua conversão e voltou ao fervor da espiritualidade carmelita, a ponto de criar uma espiritualidade modelo.
Foi grande amiga do seu conselheiro espiritual São João da Cruz, também Doutor da Igreja, místico e reformador da parte masculina da Ordem Carmelita. Por meio de contatos místicos e com a orientação desse grande amigo, iniciou aos 40 anos de idade, com saúde abalada, a reforma do Carmelo feminino. Começou pela fundação do Carmelo de São José, fora dos muros de Ávila. Daí partiu para todas as direções da Espanha, criando novos Carmelos e reformando os antigos. Provocou com isso muitos ressentimentos por parte daqueles que não aceitavam a vida austera que propunha para o Carmelo reformado. Chegou a ter temporariamente revogada a licença para reformar outros conventos ou fundar novas casas.
Santa Teresa deixou-nos várias obras grandiosas e profundas, principalmente escritas para as suas filhas do Carmelo : “O Caminho da Perfeição”, “Pensamentos sobre o Amor de Deus”, “Castelo Interior”, “A Vida”. Morreu em Alba de Tormes na noite de 15 de outubro de 1582 aos 67 anos, e em 1622 foi proclamada santa. O seu segredo foi o amor. Conseguiu fundar mais de trinta e dois mosteiros, além de recuperar o fervor primitivo de muitas carmelitas, juntamente com São João da Cruz. Teve sofrimentos físicos e morais antes de morrer, até que em 1582 disse uma das últimas palavras: “Senhor, sou filha de vossa Igreja. Como filha da Igreja Católica quero morrer”.

O dia do Educador Ambiental


O mês de outubro é pelo Dia do Professor, comemorado no dia 15, considerada uma das profissões mais importantes do mundo. Porém, existe outra profissão, comemorada no mesmo dia, que também é de extrema importância e está diretamente ligada à nossa vida: o Educador Ambiental. A presença do Educador Ambiental tem sido cada vez mais solicitada e se tornado mais importante na sociedade contemporânea.

O homem atua como agente transformador no ambiente que habita, modificando radicalmente o espaço a sua volta para adequá-lo ao seu estilo de vida, diferente dos outros animais que se adaptam ao ambiente. Olhando para o passado, com tantas alterações promovidas pelo homem, principalmente a partir da revolução industrial, é possível afirmar que a maioria dos problemas ambientais que hoje ocorrem no mundo poderia ter sido evitada se a educação ambiental e a consequente conscientização ecológica fizessem parte das preocupações das sociedades desenvolvidas.

Educação ambiental é, portanto, um processo permanente, no qual os indivíduos tomam consciência do seu meio ambiente e adquirem conhecimentos, valores, habilidades, experiências e determinação que os tornam aptos a agir - individual e coletivamente - e resolver problemas ambientais presentes e futuros.

Os grandes desafios para os educadores ambientais são, de um lado, o resgate e o desenvolvimento de valores e comportamentos (confiança, respeito mútuo, responsabilidade, compromisso, solidariedade e iniciativa) e de outro, o estímulo a uma visão global e crítica das questões ambientais e a promoção de um enfoque interdisciplinar que resgate e construa saberes. Cabe a esse profissional, criar uma visão crítica que seja voltada para a transformação da sociedade, de seus modelos mentais, hábitos e valores, além das atitudes. Tais transformações podem se dar de forma expressiva, através da sinergia, em um movimento coletivo de intervenção, pois, sinergia significa, literalmente, trabalho conjunto. É o efeito multiplicador das partes de um sistema que alavanca o seu resultado global.

sexta-feira, 14 de outubro de 2016

pensamento




Se o Diabo não existe, mas o homem o criou, ele o criou a partir de sua própria imagem e semelhança.
Fiódor Dostoiévski
Leia mais:http://quemdisse.com.br/frase.asp?frase=10753#ixzz3e09K9wTO

quarta-feira, 12 de outubro de 2016

DIA DAS CRIANÇAS


Hoje é dia das crianças (assim, como no natal, aniversários etc), não dê animais de presente, pois animais não são  brinquedos.
Muitas vezes um animal ganho de presente é abandonado tão logo perde a “graça”, pois enquanto são filhotes são “bonitinhos”, assim como as crianças se encantam com seus brinquedos depois os deixam de lado. Animais não são  “brinquedos” são vidas que sentem medo, frio, fome, dor, alegria e sofrimento. E muitas vezes são abandonados pelas crianças e seus tutores.

Ensine seu filho que a vida não é mercadoria, uma vida não tem preço.
Incentive a adoção responsável, onde tutor e criança adotam por compaixão, amor e solidariedade. E Tenham em mente que esse animal viverá no mínimo 10 anos ou mais.

Oração de Nossa Senhora Aparecida: para alcançar a graça!


“Querida Mãe Nossa Senhora Aparecida,
Vós que nos amais e nos guiais todos os dias,
vós que sois a mais bela das Mães,
a quem eu amo de todo o meu coração.

Eu vos peço mais uma vez que me ajudeis a alcançar uma graça.
(faça aqui o seu pedido)
Sei que me ajudareis e sei que me acompanhareis sempre,
até a hora da minha morte. Amém”

Reze esta oração por 3 dias seguidos para alcançar qualquer graça, por mais dura que ela seja. Em caso extremos pode fazer por 3 horas.

Oração a Nossa Senhora Aparecida mais conhecida

“Ó incomparável Senhora da Conceição Aparecida. Mãe de meu Deus, Rainha dos Anjos, Advogada dos pecadores, Refúgio e Consolação dos aflitos e atribulados, ó Virgem Santíssima; cheia de poder e bondade, lançai sobre nós um olhar favorável, para que sejamos socorridos em todas as necessidades.
Lembrai-vos, clementíssima Mãe Aparecida, que não se consta que de todos os que têm a vós recorrido, invocado vosso santíssimo nome e implorado vossa singular proteção, fosse por vós algum abandonado.
Animado com esta confiança a vós recorro: tomo-vos de hoje para sempre por minha Mãe, minha protetora, minha consolação e guia, minha esperança e minha luz na hora da morte.
Assim pois, Senhora, livrai-me de tudo o que possa ofender-vos e a vosso Filho meu Redentor e Senhor Jesus Cristo. Virgem bendita, preservai este vosso indigno servo, esta casa e seus habitantes, da peste, fome, guerra, raios, tempestades e outros perigos e males que nos possam flagelar.
Soberana Senhora, dignai-vos dirigir-nos em todos os negócios espirituais e temporais; livrai-nos da tentação do demônio, para que, trilhando o caminho da virtude, pelos merecimentos da vossa puríssima Virgindade e do preciosíssimo Sangue de vosso Filho, vos possamos ver, amar e gozar na eterna glória, por todos os séculos dos séculos. Amém.”

Hoje é Dia do Mar

Dia do mar. Quando falamos em 12 de outubro logo pensamos no dia das crianças e de Nossa Senhora Aparecida, mas o que muitas pessoas não sabem, é que nesse dia também comemoramos outra data especial, o dia do Mar.
Sendo um elemento fundamental para o homem, o mar com certeza merecia ter um destaque especial em relação a comemoração do seu dia, mas são poucas as pessoas que associam 12 de outubro a festividade.
Sem o mar, de nada seria o homem.  E quando falamos nada, é nada mesmo. A vida vem do mar e depende em sua totalidade para a sobrevivência das plantas e animais, os quais inclui o homem.
O que é o mar a não ser água? Água é sinônimo de vida e mesmo o mar, com seu característico sal, é base para todo o ecossistema. Sem mar não teria plantas, não teria animais, não teria eu e nem você.

O Mar e o Planeta Azul

Sem os mares a Terra seria só mais um cosmo perdido na imensidão do universo, e o belo cenário azul visto de fotos do espaço, daria lugar a um globo cinza, avermelhado, sem graça e sem vestígio de vida.
Se colocássemos lado a lado, Terra e Marte, qual seria a grande diferença entre os dois planetas? A vida? Com certeza seria os mares, os quais são a razão para a grande diferença entre os astros, onde as águas são a verdadeira origem para que tudo possa existir em nosso planeta.

terça-feira, 4 de outubro de 2016

É dando que se recebe


Hoje, dia 4 de Outubro, comemora-se mais um Dia Mundial do Animal. Este dia foi escolhido por coincidir com a data em que se assinala a morte (em 1226) de São Francisco de Assis, padroeiro dos animais.  (Fonte: Bicharada)
Além disso, entre os dias 4 e 11 de outubro celebra-se a semana mundial dos animais.
A visão filosófica de Francisco de Assis é profundamente importante, permitindo-nos a compreensão maior do modo como ele viveu pelos caminhos do mundo.
O missionário incomparável lançou mão de instrumentos de vida muito especiais, como as coisas simples de seu tempo.
A percepção íntima de que, em última análise, ninguém é possuidor de coisa alguma no mundo das formas físicas, levou-o a continuadas renúncias e a uma viagem fundamental para dentro de si.
No íntimo de seu ser, encontrava a orientação segura de Jesus a propor que procurasse conquistar a si mesmo, pois aí estaria a riqueza verdadeira, a que não pode ser usurpada por nenhum gatuno, que nenhuma traça pode corroer e que não é consumida pela oxidação. Entendia isso e percebia como são fugazes os haveres materiais. Como são perecíveis. Como são temporais. Tudo é extremamente vulnerável à ação indomável do tempo. O pobrezinho de Assis nos clareia os caminhos, mostrando que devemos buscar sempre, em primeiro lugar, valores que pulsem no meio dessa atemporalidade. O que pertence à alma é aquilo que essa alma pode conduzir consigo, onde quer que vá, onde quer que esteja. Os únicos valores passíveis de impregnar a alma, tornando-se sua parte constitutiva, como brilho, cor, realidade, decorrem da frequência intensa, desenvolvida através do comportamento individual. Na conclusão filosófica do jovem de Assis, é dando que se recebe, não registramos nenhuma referência a qualquer coisa material, mas às doações da alma. É assim que, pelas leis da sintonia, da reciprocidade, ou de causa e efeito, concluiu que o que parte de nós é, de fato, o que a nós retorna. A sementeira é sempre livre, mas a colheita é obrigatória. Na figura apresentada por Jesus, o que se oferece ao solo, o solo devolve, ampliado, renovado, sejam aromas de flores, sejam espinhos. * * * Semeemos simpatia, e a teremos de volta. Espalhemos farpas e as veremos de retorno. Distribuamos esperança e nos veremos esperançados. Semeemos agonia, e poderemos contar com a ação do desespero, logo mais. Ofertemos nosso tempo precioso para atender ao próximo, e veremos que as preocupações do nosso próprio coração também estarão sendo atendidas. Doemos nosso sorriso ao mundo e o mundo, dentro de nós, sorrirá satisfeito. Perdoemos aquele familiar que falhou conosco mais uma vez, e perceberemos que, quando nós errarmos, encontraremos mais facilmente o autoperdão. Semeemos a paz, o otimismo, em meio ao negativismo viciante dos dias atuais, e colheremos tranquilidade em meio ao caos, silêncio em meio à balbúrdia ensurdecedora. É dando que se recebe. É dando-nos, doando-nos que receberemos a recompensa da consciência pacificada, cumpridora de todos os deveres para com Deus, o próximo e a nós mesmos. Amemos e nos estaremos amando. Perdoemos e estaremos nos perdoando. Doemos e já estaremos recebendo. Experimentemos a doce exortação de Francisco de Assis e nos sintamos em paz, desde agora. Redação do Momento Espírita

DIA DO CACHORRO

Os melhores amigos do homem merecem um dia só deles! Afinal, eles são lindos, fofos e transformam a casa em alegria pura!

sábado, 1 de outubro de 2016

Por que castrar?


Uma gata que procrie livremente pode em apenas 2 anos deixar 200 (duzentos) descendentes.
Os gatos castrados são mais calmos e torna mais fácil manter o animal em casa. Evita o hábito de "spray" de urina para marcação de território, ferimentos por brigas, doenças contagiosas, etc.

A gata castrada fica menos nervosa e barulhenta, mais relaxada, brincalhona e afetiva. A tendência para engordar pode ser controlada com alimentação correta e exercícios. A fêmea não castrada faz marcação com urina pela casa, deixando um cheiro horrível. Tenta fugir, mia alto e incomoda os vizinhos.

A castração também irá aumentar a expectativa de vida dela, porque ela não terá problemas de saúde como tumores de mama e do aparelho reprodutivo, cistos ovarianos, infecções uterinas como piometra, que obrigará a uma cirurgia no final das contas, muito pior do que a castração, já que haverá um campo operatório contaminado por bactérias e com risco de septicemia.Você também estaria aliviando-a de um sofrimento e uma angústia, já que o instinto de preservação e hormônios falam alto. Não que ela sinta desejo de ser mãe, como acontece com mulheres. Elas nem sabem o que é isso. É uma coisa instintiva e irracional, devido aos hormônios.



A castração é uma forma mais humana e saudável de manter uma fêmea, se você não deseja filhotes.
A importância da castração em números:
- No Brasil, há um cachorro para cada sete humanos e 10% deste total é de animais abandonados.
- Os animais se reproduzem em progressão geométrica. Dessa forma, uma cadela não castrada e seus descendentes gerarão cerca de64.000 filhotes em apenas sete anos;
- Quando falamos de gatos o número salta para 420.000 novos animais, pois cachorros se reproduzem a cada seis meses, enquanto gatos se reproduzem a cada três meses;
- Todos os dias cerca de 200 animais são entregues pelos próprios donos ou recolhidos pela carrocinha;
- O CCZ de São Paulo extermina mais de 20.000 animais sadios todos os anos.
A solução para esse problema pode resumir numa equação simples: posse responsável + castração!!!

Quando castrar?
A Associação Americana de Médicos Veterinários recomenda desde 1993, que os gatos sejam castrados assim que os testículos descerem para a bolsa escrotal, ou seja, por volta dos 6 meses. As fêmeas também podem ser castradas a partir de 7 meses de idade.Anteriormente se pensava que a castração precoce predispunha o gato à Síndrome Urológica Felina (SUF). Mas estudos mostraram que não há diferença significativa no desenvolvimento do trato urinário, entre gatos castrados precocemente e tardiamente.

O que é a castração?
A castração no macho é realizada por uma cirurgia muito simples, com anestesia local. Um bom veterinário é capaz de realizá-la rapidamente e sem riscos para o seu animal. Converse com ele e fale sobre seu medo de um choque anafilático. Como a anestesia é local, não há grandes problemas.A cirurgia pode ser uma orquiectomia (retirada dos testículos) - a mais comum - ou vasectomia.

Não há inconveniente em castrar uma fêmea antes que ela tenha tido crias. A cirurgia atualmente envolve pouquíssimos riscos, se feita por um bom profissional. Eu só há vantagens em fazê-lo. A castração da fêmea é chamada esterectomia (retirada dos ovários), ou pan-esterectomia (retirada de útero e ovários). A recuperação se dá em torno de 1 semana.



Cio da gata
As gatas entram no cio quase todo mês. Elas costumam ter 3 estações de cio por ano. Cada estação de cio tem 2 a 3 cios, com 7 a 10 dias de duração cada um, e intervalo de 10 a 15 dias entre eles. Em certos momentos pode parecer que ela está o tempo todo no cio.

Uso de hormônios - injeções anticoncepcionais:
Não é recomendável a administração de hormônios para evitar que o macho queira namorar. Nenhum hormônio é inócuo. Se você se preocupada com o desenvolvimento do seu gato, caso ele seja castrado cedo, preocupe-se muito mais em administrar hormônio feminino num animal macho em fase de crescimento, é muito mais danoso.O uso de anticoncepcionais nas fêmeas também é danoso para o organismo, predispondo a uma série de doenças, como tumores, câncer e infecções uterinas graves.

Gatas que continuam apresentando cio após a castração?
Se apenas o útero foi retirado ela continuará a entrar no cio porque os ovários ainda estarão lá, produzindo hormônios.
Se um dos ovários ou parte deles foi deixado durante a cirurgia a gata continuará a apresentar cio regularmente.

Cuidados com o Pós-operatório do seu GATO:
=> Ao receber seu animal após a cirurgia, ele ainda estará sob o efeito do anestésico. Poderá não reconhecer o dono, apresentará andar cambaleante, poderá evacuar e urinar sem controle e poderá apresentar vômito;

=> Alguns animais demoram mais para acordar que outros, são indivíduos com características próprias de comportamento, portanto terão recuperação diferenciada;

=> Nas primeiras 24 horas devem descansar em local tranquilo e limpo, com pouca iluminação para permitir uma boa recuperação;

=> Coloque pano ou cobertores para aquecê-lo, pois ele sentirá frio;

=> A primeira alimentação somente deverá ser oferecida quando o animal demonstrar disposição. Não tente fazê-lo comer contra sua vontade, pois o organismo do animal ainda estará metabolizando os medicamentos, se comer poderá vomitar;

=> Podem miar de forma diferente do habitual;

=> Todos os animais devem utilizar colar Elisabetano desde o momento em que acordam da anestesia até a retirada dos pontos. Assim evita-se que o cão lamba o local e tire/arrebente os pontos. Este colar é comercializado em agropecuárias e pet-shops.

Parabéns por sua decisão! Optar pela esterilização do seu animal é uma demonstração de responsabilidade e respeito à vida dos animais.


Seja um Defensor dos Oceanos

Ao longo dos últimos anos, usamos muitos métodos para encontrar os navios baleeiros. Eles têm seus segredos, e nós temos os nossos.

Gostaríamos de acrescentar uma nova ferramenta ao nosso kit de “caça aos caçadores”: você.
Sabe aquela história dos seis degraus de separação? Resumidamente, ela significa que entre você e qualquer pedaço de informação conhecido por alguém vivo hoje não existe mais do que seis pessoas.

Em outras palavras, você pessoalmente conhece alguém que conhece alguém que conhece alguém que conhece a localização precisa da caça das baleias pelos japoneses neste momento.
Pense muito nisso. Você conhece alguém que trabalha com imagens de satélite? Segurança marítima? Alguém da indústria pesqueira japonesa? Você está em contato com alguém que está cruzando o Pacífico? Ou um operador de rádio de ouve comunicações marítimas? Se sim, passe a página para frente (há um link ‘enviar’ no topo e no final desta página) e peça que eles 

entrem em contato conosco pelo endereço:

Toda informação é estritamente confidencial.

Dia Mundial do Vegetarianismo

Dia Mundial do Vegetarianismo. Diga sim, pelo menos uma vez por semana

Foi em 1977 que a Sociedade Vegetariana Norte-Americana decidiu implementar o 1 de outubro como o Dia Mundial do Vegetarianismo.

Ao contrário da alimentação vegan – em que é excluído todo e qualquer produto/alimento de origem animal – a dieta vegetariana é dividida em duas vertentes: a ovo-vegetariana (em que se inclui a ingestão de ovo) e a ovo-lacto-vegetariana (em que se pode comer ovos e produtos lácteos, como queijo e iogurte).
A base é a mesma: zelar pelo ambiente, pelos animais e pela própria saúde.
Crudívoros
Alimentam-se única e exclusivamente de alimentos crus. Defendem que o homem é o único animal que cozinha os alimentos, destruindo com isto as suas propriedades nutritivas e que estamos preparados para digerir e assimilar alimentos crus (naturais).